Oyeniyi Oluwabunmi Shola

Pratos típicos da Nigéria

Oyeniyi veio para o Brasil por motivo de perseguição do grupo radical islâmico Boko Haram, contra seguidores de religiões ocidentais. Originalmente, o Boko Haram foi um movimento islâmico radical dedicado à assistência social, doutrinamento e protestos constantes contra o Governo central, que era criticado pela corrupção, abandono e os desmandos do Exército. “Em cidades de Borno como Gowle, 80% dos moradores há poucos anos se mostravam partidários do Boko Haram. Ustaz Mohammed Yusuf era o líder à época e em 2009 decidiu pegar em armas contra o Governo. Terminaria esse ano executado pela polícia em um beco de Maiduguri. O cetro foi herdado por Abubakar Shekau, atual líder e quem, em 2011, mudou o rumo do grupo em direção ao inexplicável. Em direção à violência extrema. A guerra começou. Durante o conflito, o Boko Haram jurou lealdade ao grupo terrorista Al Qaeda e se tornou mundialmente conhecido em 2014 pelo sequestro de 200 meninas em uma escola de Chibok (povoado de Borno a 100 quilômetros de Maiduguri) que ocasionou o #bringbackourgirls (a maioria daquelas meninas jamais voltou e representa uma ínfima parte das 10.000 mulheres e garotas que, de acordo com o Governo nigeriano, foram sequestradas pelo Boko Haram desde o começo da guerra). Por fim, em 2015, o grupo se declarou filial do Estado Islâmico.

(Fonte El país)

Nome: Oyeniyi Oluwabunmi Shola

País: Nigéria  

Idioma: Inglês

Produto: Pratos triviais da culinária brasileira e é especialista em pratos típicos da Nigéria, sua terra, como o apreciado “fufu”, espécie de polenta, à base de milho.  

Fonte imagem Fufu: Boil & Trouble

 

conecte-se
Realização:
Apoio:
© 2017 Conectados. Todos os direitos reservados.